Justiça cancela punição a Suzane Richthofen e presa terá saída do Dia das Mães

Após ter perdido três saídas temporárias, a presa Suzane von Richthofen voltará a ter “saidinhas”. Isso porque a Justiça cancelou a punição e a detenta vai retomar o benefícios. Ela, que está presa no regime semiaberto em Tremembé (SP), deve ser liberada no próximo dia 7, por sete dias, na saída temporária de Dia das Mães.

A decisão em 2º instância, do último dia 17, atende um habeas corpus impetrado em março pela defesa da presidiária contra o “castigo”. Além do Dia das Mães, Suzane também, agora, deve deixar a prisão no Dia dos Pais e no período entre o Natal e o Ano Novo.

O despacho é assinado pelo relator Damião Cogan da 5ª Câmara Criminal de São Paulo. Suzane está presa desde 2002, condenada a 39 anos de prisão pela morte dos pais.